Teca

Fundamental é amar/amar e viver/amar é viver/abrir-se ao outro/seja pássaro,flor ou gente! Ah vida..

Textos


                      A um amor de outrora

        A tarde espiava o rio
       Contemplava o azul infindo
       mascando fiapos do próprio brio

      Deitava-se o crepúsculo sobre o rio
      que já corria muito além
      entre as folhagens, e  sombrio

      espiava  das estrelas o vai e vem.
       Eu, atenta ao amor, caminhava
       espreitando-te também!

     Era então que eu via: o céu sonhava
      e o rio refletia tal cumplicidade
      que  o amor  em mim queimava

         Queimava, era só felicidade
         mas, enquanto ardia, definhava....
   
       
     
Teca
Enviado por Teca em 13/01/2013
Alterado em 15/01/2013
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar a autoria de Teca e o site www.recantodasletras). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras