Teca

Fundamental é amar/amar e viver/amar é viver/abrir-se ao outro/seja pássaro,flor ou gente! Ah vida..

Textos


                        Novembro pantaneiro

                        Esse novembro azul
                     Deflagra tenras manhãs
                      Nuvens de seda púrpura
                      Nas asas do arancuã



                    Debruçado em seu leito
                    O velho rio sonolento
                    Sussurra feliz beijando o eito,
                    Coisas de paz e sossego ao vento

                    De repente e ao longe
                   O estranho ronco arrepiante
                    Tem asas de metal e range,
                    Sangra as veias do rio arfante

                    Mas no instante seguinte
                    Flores ribeirinhas em todo lugar   
                    E pássaros, bichos, nuvens e gente
                    Ciosos de si, voltam  a respirar



                    


                  
   
     
Teca
Enviado por Teca em 06/11/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar a autoria de Teca e o site www.recantodasletras). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras